Predefinição:Em destaque

Adolf Führer Nazi Hitler, personagem principal do livro. Percebam o esforço do mesmo para sorrir.

As últimas 24 horas de Hitler é um livro histórico e melancólico surreal do ilustre de Cajueiras. A história relata um ultimato na vida de Adolf Hitler, contando os últimos momentos do mesmo após se autodeclarar um defunto. O livro se divide em 4 capítulos de pura tortura, dando ao leitor uma profunda imersão duvidosa do desfecho da Segunda Burrice Mundial.

  • Capítulo I - (23 horas para o acontecimento) - Hitler acaba de acordar de mais uma de suas sonecas depois do almoço. Na data, Hitler havia se refugiado numa caverna que carinhosamente tinha dado o nome de Führerbunker, acompanhado com sua amante, concubina e musa: Eva Braun. (23 horas para o acontecimento)
  • Capítulo II - (10 horas para o acontecimento) - Em uma reunião, pela primeira vez, o führer admitiu que tudo estava perdido, e o que restava era apenas um café.
  • Capítulo III (Em algum momento do passado) - Segundo seus próprios pais, Hitler era visto como o satã em pessoa. Já que não podia ir à escola, Hitler ocupava-se ajudando a mãe e os irmãos em tarefas de casa, apesar de ser um moleque viciado em Mein Kraft.
  • Capítulo IV (O acontecimento) - Hitler passara um tempão pensando na sua vidinha de quinta. Recusou-se a almoçar, voltando a agir como um muleque de oito anos.
Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Twitter